“18 MANEIRAS DE TRANSFORMAR CLIENTES EM FÃS”…

Publicado: junho 6, 2010 em Uncategorized
Por Raúl Candeloro
 
Fazer com que um cliente compre uma, duas ou mais vezes pode ser relativamente fácil, particularmente se o seu principal diferencial é o preço. Porém essa tática tem vida curta. Uma vez que as margens diminuem cada vez mais, até onde você pode ir sem começar a perder dinheiro? Mais importante ainda: quanto tempo você pode gastar com um cliente que não dá lucro?
A maior tarefa que as empresas enfrentam hoje em dia é transformar compradores em fãs, para que eles comprem de boa vontade. Esta não é uma missão fácil e nem pode ser conseguida
com esforços para tentar se mostrar interessado. O que é necessário é um esforço concentrado para comunicar aos clientes a mensagem de dedicação contínua. John Graham, presidente da Graham
Communications, nos apresenta 18 maneiras de fazer isso:
 
1 – Seja a fonte de novas idéiasTodos os clientes estão preocupados com a redução de custos, melhora na produtividade e conseguir trabalhar melhor. Posicione-se com esse tipo de fonte aosclientes. Isso se traduz em dar mais aos seus clientes pelo seu dinheiro
 2 – Demonstre que você tem o conhecimento – Uma maneira melhor de estabelecer relacionamentos é garantir o seu valor pelo que você sabe, e não pelo que você diz ou vende.
 
3 – Antecipe as necessidades do cliente – Quando você ajuda um cliente a enxergar o que vem pela frente, você na verdade está enviando uma mensagem de que está pensando a longo prazo, e não apenas na venda de hoje. Ao ajudar seus clientes a planejarem e se organizarem melhor, você é visto como um grande aliado.
 
4 – Transmita a imagem correta – Se você quer ser conhecido como o melhor, então faça com que tudo à sua volta reforce essa imagem. Falar sobre qualidade não tem sentido quando seus
orçamentos e materiais de apresentação emitem uma mensagem contrária.
 
5 – Conheça o negócio do cliente – Não assuma que você entende os anseios e as necessidades de um cliente se você não tomar um pouco de tempo para entender sua vida e seu negócio.  É necessário entender a realidade da pessoa, da empresa, do mercado, e reconhecer os problemas que o cliente enfrenta.
 
6 – Demonstre que você está aprendendo constantemente –  Para que um cliente sinta-se confortável com o passar do tempo, você deve mostrar que está constantemente aprendendo, tornando-se mais sofisticado e competente. Ficar estagnado é mortal.
 
7 – Chame para si a responsabilidade – O objetivo é desenvolver clientes de longo prazo. Se alguma coisa vai mal, conserte-a. Se está errada, acerte-a. 
 
8 – Comunique-se claramente – Manter um entendimento claro e cristalino com seus clientes é mais importante do que nunca. Cuidado com aquelas mensagens rápidas via e-mail. 
 
9 – Torne-se parte do negócio do cliente – O objetivo hoje em dia é ser visto como um membro do time do cliente. Você pode chamar isso como preferir: parceria ou aliança estratégica, é tudo a mesma coisa. A finalidade é criar um relacionamento sem “remendos” entre você e seus clientes.
10 – Seja acessível – Devido à especialização, os clientes estão muito mais dependentes de seus fornecedores do que antes. Isso é uma vantagem, mas é também uma responsabilidade que requer acessibilidade. . Aumente o nível de conforto de seus clientes e você aumentará também seus níveis de satisfação.
 
11 – Mantenha os olhos abertos para novas tendências –. Os clientes gostam de saber que seus fornecedores estão acompanhando as mudanças no mercado. Leia, converse, ouça, junte as idéias e ponha-as no papel. Depois, passe para o cliente.
 
12 – Especialize-se – Se você tem dois, três ou mais clientes num determinado ramo, desenvolva uma estratégia para aquele nicho específico. Capitalize sua presença nesses grupos focalizando suas atividades de maneira a revelar o seu conhecimento único. Clientes sentem-se mais à vontade com fornecedores que entendem o mercado no qual trabalham.
13 – Ouça – Deixe o cliente falar e você vai acabar descobrindo exatamente o que ele que comprar. Você pode até descobrir se o que ele quer comprar é o que você tem para vender. Somente quando você tem uma imagem bem clara dos motivos e preocupações do cliente é que você pode montar uma apresentação específica para aquela realidade.
 
14 – Mantenha-se em contato – A ausência não fortalece relações, muito pelo contrário. Só abre a porta para que um concorrente pareça mais desejável. Invista algum tempo pensando em maneiras diferentes de se manter em contato. Esse exercício também é bastante útil para fazer com que você gaste mais tempo pensando nos seus clientes.
 
15 – Pense como o cliente – Foque no que agrada a você como cliente, bem como as coisas que fazem você trocar de fornecedor ou vendedor.. E resista à tendência comum de achar que o que é bom para a sua empresa é automaticamente bom para os clientes. Você pode ver quando alguém está mais interessado em lhe vender algo do que em resolver os seus problemas, por isso não caia na mesma armadilha.
 
16 – Nunca decida o que um cliente quer – Os clientes hoje querem conselhos e não conclusões. Então ofereça opções e alternativas. Trabalhe para criar um cenário que permita ao cliente decidir, apontando aspectos positivos e negativos de cada situação. Quando isso acontece, o cliente decide sem pressão e deixa de existir a maioria dos problemas de pós-venda.
 
17 – Torne-se paranóico – Andy Grove, CEO da Intel, sugere que seu sucesso é resultado direto de sua paranóia. É a paranóia que o mantém engajado, atento e fazendo perguntas. Ele está
constantemente no limite e suas antenas estão sempre funcionando. Dessa maneira, é difícil alguma coisa passar desapercebida ou pegá-lo de surpresa. Você acaba aprendendo a distinguir as nuances de importância crítica.
 
18 – Se você não pode ajudar o cliente, seja honesto – A prova do profissionalismo é dizer não. Não existe maneira de uma empresa (ou vendedor) ser capaz de fazer tudo – e nem o cliente espera

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s